Pesquisar
Close this search box.

Prates se irrita, pede conversa ‘definitiva’ com Lula e pode estar de saída da Petrobras

Após o aumento dos ataques por parte de membros do governo, especialmente dos ministros Alexandre Silveira e Rui Costa, uma ação foi tomada.

Jean Paul Prates, presidente da Petrobras, solicitou um encontro com Lula (PT) para discutir as críticas direcionadas a ele por integrantes do governo. Descontente com a situação, Prates está determinado a resolver o impasse. Embora esteja considerando deixar a empresa, ele prefere que o presidente demonstre apoio explícito à sua permanência, o que até agora não ocorreu.

Definição de Rumo

Prates busca esclarecer definitivamente seu papel na Petrobras, apresentando a Lula os sucessos e desafios enfrentados durante sua administração.

Decisão Proativa

A decisão de agir veio após a escalada dos ataques, originados principalmente de Alexandre Silveira, ministro de Minas e Energia, e Rui Costa, ministro da Casa Civil.

Conflitos e Apoio

Silveira reconheceu em uma entrevista à Folha que possui divergências com Prates. Por outro lado, Costa já estaria avaliando possíveis substitutos para a liderança da Petrobras. No entanto, Prates ainda conta com o suporte de figuras importantes do PT, senadores aliados ao governo e do ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

Esses apoiadores acreditam que a saída de Prates poderia ser prejudicial para a Petrobras e para o governo neste momento, podendo desencadear uma crise desnecessária.

Source link

compartilhe
Facebook
Twitter
LinkedIn
Reddit

Uma resposta

  1. Prates ou qualquer outro da laia do lula é tragédia anunciada de má gestão e prejuízos sucessivos da Petrobras e do Brasil.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *