Pesquisar
Close this search box.

STF derruba sigilo de vídeo de reunião de Bolsonaro que motivou operação da PF; VEJA VÍDEO na íntegra

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes decidiu tornar público o vídeo de uma reunião ocorrida em 5 de julho de 2022, na qual o então presidente Jair Bolsonaro convoca seus ministros a agirem antes das eleições presidenciais para impedir a vitória do ex-presidente Lula. O vídeo faz parte das investigações sobre uma possível tentativa de golpe de Estado e abolição violenta do Estado Democrático de Direito.

No encontro, Bolsonaro alega que o Brasil enfrentaria caos se o PT assumisse o poder, ataca ministros do STF e insinua possíveis fraudes nas eleições brasileiras. O vídeo foi apreendido pela Polícia Federal no computador do tenente-coronel Mauro Cid, ex-ajudante de ordens de Bolsonaro.

Trechos da reunião, nos quais Bolsonaro ataca ministros do STF e fala sobre a necessidade de agir antes das eleições, foram divulgados pela imprensa. A Polícia Federal afirma que o encontro tinha como objetivo cobrar dos presentes conduta ativa na promoção ilegal de desinformação e ataques à Justiça Eleitoral.

O vídeo revela Bolsonaro afirmando que a esquerda estaria preparando uma fraude para garantir a vitória de Lula no primeiro turno. Ele também critica ministros do STF, questiona a lisura das eleições e sugere que algo precisa ser feito antes do pleito.

Reações às declarações do ex-presidente e seus ministros têm sido intensas, com analistas e políticos expressando preocupações sobre o impacto dessas revelações na estabilidade democrática do Brasil.

Com informações da Folha de S. Paulo.

Source link

compartilhe
Facebook
Twitter
LinkedIn
Reddit

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *